HSM
ISAT
PRÓXIMOS EVENTOS
PowerTalk Brazil - Cursos de oratória e apresentações em inglês
ASG Educação | Rosetta Stone
Agencia Page
Artigos ABTD
A liderança sob uma nova perspectiva: espiritualidade
http://www.abtd.com.br - Data da Publicação: 25/10/2018

Por ADILSON SOUZA

Ao longo de mais de três décadas tenho acompanhado diversos líderes em suas trajetórias, alguns deles se despontam cada vez mais, outros ficaram no meio do caminho, e outros estão por ficar.

Talvez a pergunta seja o que há de comum e diferente nesses líderes. Então vamos lá. No que diz respeito ao comum, todos eles são hábeis em entregar resultados e, em sua maioria, resultados extraordinários. No entanto, o que os diferencia será o que os coloca em partes diferentes do trajeto. Parte desse grupo de líderes recebe uma “missão” e diz “missão dada é missão cumprida”, e sai como um trator para realizá-la, e de fato a realiza, e se envolve a tal ponto que não ativa em seu sistema o chamado mindset, a função crítica, e na maioria das vezes consegue resultado a qualquer custo, o que é fantástico para as empresas, e na maioria das vezes péssimo para clientes, líderes e equipes. Alguns deles têm consciência, mas mesmo assim agem dessa maneira. Mal sabem eles que sua extrema dedicação fez com que deixassem de investir em seu aprimoramento e que, logo que termine sua missão, estarão fora do projeto. É muito provável que você conheça alguém que já passou por isso. Resultado a qualquer custo normalmente tem um preço alto, especialmente porque se abre mão de valores em detrimento de atrativas bonificações. Utiliza-se o poder pessoal para manipular pessoas em prol de seus objetivos. A questão-chave é que, ao terem essa prática, estão criando um legado muito perigoso, a ponto de as pessoas verbalizarem: “Trabalhar com fulano? Nem pensar!”. Essa fama vai para a empresa e o mercado. Retrato disso é que muitos desses líderes não conseguem se recolocar no mercado.

Aquele que um dia foi “o cara” hoje pode ser apenas um rosto na multidão.

Do ponto de vista organizacional, há uma perda considerável, pois a fama também fica na empresa, o alto comando da organização e os recursos humanos devem estar bastante atentos aos comportamentos de seus líderes, e esse olhar deve ser além dos números. Números muitas vezes mascaram ou ocultam comportamentos que podem colocar em risco as organizações.

Ao lado disso há aqueles líderes que, mesmo com todo esse turbilhão de exigências, conseguem se manter centrados, e para isso mantêm suas mentes abertas para o novo, permitindo-se adquirir novos conhecimentos, e continuam aprendendo algo novo, ou mesmo realizando rotinas antigas de forma nova e muitas vezes inovadora. Estes normalmente ajudam suas organizações a encontrar seu propósito, assim como eles encontram os seus. E propósito é o fio condutor para que os líderes construam seu legado de forma extraordinária. Isso porque entregar resultados em organizações com propósito permite que o líder, com sua equipe, atribua significado a cada uma das ações. Não é simplesmente fazer, é porque fazemos o que fazemos. Essa categoria de líderes apresenta o seguinte comportamento: são engajados e comprometidos com suas organizações e farão de tudo para que eles consigam ter práticas efetivas para transformar o mundo a seu redor, isso porque geralmente seu propósito como líder conversa com o da organização. E caso eles não consigam promover esse movimento em suas organizações, estão dispostos a encontrar outras empresas que queiram utilizar seus talentos para tal transformação. Um dos grandes diferenciais desses líderes é que conseguem reunir os melhores talentos, e é comum as pessoas dizerem: “Quero muito fazer parte do seu time”. Esta é parte do legado de líderes do mundo contemporâneo, estes serão lembrados por aquilo que produziram com seus times, são confiáveis, respeitados e possuem um poder incrível de influenciar a gestão comum para alcançar resultados com significados e que são extraordinários.

Em que parte você está desse trajeto?

Outra questão fundamental é: o que os líderes praticam para um maior engajamento e sustentabilidade com sua equipes?

Então, vamos lá.

Faça um exercício mental e procure identificar os líderes que influenciaram positivamente suas vidas e carreiras. Anote as características e valores dele.

Feito isso, vamos ao questionamento a seguir, ser merecedor da confiança de alguém é algo importante para você? O quanto isso é importante para você e para a pessoa com quem se relaciona?

Há alguns valores da espiritualidade que conectam mais as pessoas, a exemplo de confiança, justiça, respeito, sentido de pertencimento, significado para a vida, maturidade profissional, desenvolvimento potencial e gratidão.

Agora seu exercício como líder é escrever ou mentalizar um exemplo de confiança: Que situações vivenciadas com sua equipe ou pares te dão a certeza de que você é um líder confiável?

Justiça: Você é um líder justo? Os integrantes do seu time têm clareza do que deles será exigido? Justiça tem relação com transparência e alinhamento das expectativas do líder e de seus liderados?

Respeito: Você se sente respeitado no ambiente de trabalho? E sua equipe? Como você lida com a diversidade no ambiente profissional e da vida?

Sentido de pertencimento: Nossa dimensão de participação e colaboração nas equipes é aumentada quando sentimos que pertencemos a algo, normalmente há uma causa nobre para as pessoas e organizações que as conectam.

Significado para a vida: Esse valor refere-se a propósito. Por que fazemos o que fazemos? Como líder você tem clareza de seu papel, sua missão e, sobretudo seu propósito?

Maturidade profissional: Esse valor refere-se a inteligência emocional e resiliência, e a pergunta aqui é: Como você tem utilizado suas experiências para criar maturidade profissional para você e sua equipe?

Desenvolvimento potencial: Você já deve ter encontrado ou convivido com um líder que identificou potencialidade em você e o impulsionou para seu melhor, certo? O quanto você tem feito isso com sua equipe?

Gratidão: Quando você a pratica, qual sentimento tem? Quando foi a última vez que agradeceu alguém por algo?

Pratique diariamente esses valores e depois compartilhe os efeitos que isso traz para sua vida.

Palestrante, consultor e docente nos cursos de MBA da ESPM e FGV. Trinta anos de experiência em Administração e Desenvolvimento do Fator Humano nas organizações. Mentor e Coach de Executivos com Certificação Internacional. Master trainer em Programação Neurolinguística Sócio-fundador da EstAção RH. Acompanha e assessora emrpesários e executivos em
REDES SOCIAS
ASSOCIADO
FIQUE SÓCIO - ABTD
Crescimentum | A evolução da liderança
Grupo Azevedo Ramirez | GAR
© Copyright 1999 - 2018 - Política de Privacidade - Todos os direitos reservados à ABTD Nacional - Associação Brasileira de Treinamento e Desenvolvimento
Rua Machado Bittencourt, 89 - Vila Mariana - CEP: 04044-000 - São Paulo - SP - Tel/Fax: (11) 5085-2283. abtd@abtd.com.br

Os textos publicados não representam, necessariamente, a opinião da ABTD e de seus diretores.
Os textos cadastrados são de responsabilidade exclusiva dos seus respectivos autores.